Valorize-se!

O que depende de nós é fácil. Basta querer e gostar de si mesmo. O essencial é primordial e ir à luta com entusiasmo, perseverança e alegria de viver!

Pedir não ofende. Eu sou dependente de terceiros e aceito limitações, horários, mas não deixo isso me limitar nem me desvalorizar. Sim, peço o possível e só o realmente necessário, diuturnamente.

Precisamos ser solidários também. Com humildade, sem prepotência e despidos de orgulho. Saber perdoar e compreender as pessoas! Como a vida nos mostra a esperança e a energia que temos escondida em cada um de nós! Oportunidades sempre aparecem de se fazer o bem, a si e aos outros. Nos incomoda muitíssimo ver os nossos sonhos frustrados. Podemos e devemos procurar recuperarmos o sentimento de felicidade.  A verdadeira felicidade significa Paz de Espírito! Faça a sua parte.

Dificuldades inesperadas, perda de entusiasmo, isso acontece. A única forma é substituir os afazeres não apenas para o seu corpo mas também para o seu espírito. Não se entregar à preguiça que nos dá uma tranqüilidade disfarçada, sem proveitos reais e positivos. O que somos e que devemos buscar ser a todo momento: pacientes, tolerantes, responsáveis, realistas…

A riqueza ajuda muito nos momentos decisivos, monetariamente, mas não nos protege. É o autocontrole que tem o seu maior valor! É a base de tudo e ainda evita emoções negativas e desnecessárias que acabam com a saúde!
Fraqueza, nunca! Cultive a paciência.

Nós, matriarcas, temos uma luz interior e uma energia à toda prova! Experimente e verá.

Deus não nos faltará!

Lourdes Lage
Agosto 2015.

Deixe uma resposta

Fechar Menu